Publicado por Osvaldo Cruz em 14/09/2018 às 12:55 am Nenhum Comentário

naom_5833415a8955dpresidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, ordenou a prisão do comandante do Exército, Guido Manini Ríos, por 30 dias, após este se pronunciar publicamente contra um projeto de lei impulsionado pelo governo.

Segundo Vázquez, o militar “atua de boa fé e com a lealdade institucional que devem ter as Forças Armadas, mas se equivocou e foi sancionado”.

Manini Ríos se manifestou contra uma reforma do sistema de pensões militares e uma nova lei orgânica para as Forças Armadas. A detenção conta a partir de segunda-feira (17).

Em seu site, o governo informou que a Constituição uruguaia estabelece que “os militares não podem interferir com opiniões sobre projetos de lei”.

NOTÍCIAS AO MINUTO

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



Anuncio!
21742913_398474310549713_538333983765388527_n
logo
ac2989e4-2a4a-4646-b359-36f246ef1e62
images
2c96748c-7aca-464f-a9f4-5edb11afe3da
Lene
logo-rota-da-moda2
21742913_398474310549713_538333983765388527_n
logo
ac2989e4-2a4a-4646-b359-36f246ef1e62
images
2c96748c-7aca-464f-a9f4-5edb11afe3da
Lene
logo-rota-da-moda2

Enquete


    • Sorry, there are no polls available at the moment.

  • O Povo Fala