Publicado por Osvaldo Cruz em 12/06/2018 às 2:46 pm Nenhum Comentário

e9770d8d-730e-46f7-bd15-2e1ed4c3ca00Em seu discurso na manhã desta terça-feira (12), na Câmara Municipal de Feira de Santana, a vereadora Eremita Mota (PSDB) fez a leitura da matéria de  blogueiro Rafael Velame,  publicada em seu site Blog. A matéria intitulada “O mundo é dos espertos” trata do polêmico projeto de resolução de número 710/2018 que muda a data da eleição para presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana.

A matéria diz: “Os vereadores de Feira de Santana alteraram sorrateiramente a data da eleição da Mesa Diretiva. O projeto foi votado e aprovado pela maioria dos presentes, com voto contrário apenas dos edis Roberto Tourinho (PV), Marcos Lima (PRP) e Eremita Mota (PSDB). A eleição para renovação da mesa diretiva agora passa a acontecer na primeira sessão ordinária do mês de setembro. Anteriormente acontecia no dia 15 de dezembro. A mudança interessa a um grupo de vereadores liderado pelo presidente José Carneiro (PSDB) e ao ex-prefeito José Ronaldo (DEM), segundo apurado pelo Blog do Velame. Com a mudança de data Ronaldo visa manter sua influência na formação da mesa diretiva, pois caso o pleito continuasse acontecendo em dezembro, pós-eleições para governador, ele corre o risco – se derrotado – de perder o protagonismo para o atual prefeito Colbert Martins (MDB).”

Eremita, como diz a matéria, votou contrariamente a proposta e explicou o motivo. Segundo a vereadora, o projeto é inconstitucional porque, por exemplo, se um vereador que foi eleito para fazer parte da Mesa Diretiva e se candidatou a qualquer cargo nas eleições consiga se sagrar vencedor, não se sabe o que será realizado com o cargo que ficou vago na Mesa. “Será preciso realizar outra eleição por causa da vacância?”, questionou.

A vereadora voltou a lamentar a aprovação da proposta e destacou que paira em sua cabeça a dúvida dos verdadeiros motivos por traz dela. “A população está fazendo chacota dessa situação e da intenção por traz desse projeto de prestigiar quem quer que seja na Casa da Cidadania”, completou.

Ela ainda rechaçou as insistentes falas de alguns colegas de que não há interferências externas na eleição para a Mesa Diretiva da Câmara de Feira de Santana. “Essa é uma grande mentira. Se não houvesse interferência, e quero deixar isso bem claro, o presidente desta Casa seria o vereador Tom (PATRI). Quando ele me procurou estava com dez vereadores. Com meu voto e o do meu colega Roberto Tourinho (PV) formavam doze. Mas o gestor não quis Tom, quis José Carneiro (PSDB), que hoje é o presidente”, falou.

A edil concluiu sua fala salientando que não é contra o atual presidente da Casa, ao contrário, que se sente aliviada com a sua presença na presidência por ele ser democrático e conversar com todos. “Volto a ressaltar que não tenho nada contra o presidente José Carneiro, mas contra o processo que é vergonhoso”, explicou.

Ascom/vereadora com informações

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



Anuncio!
b197ae5c-5cff-4c5f-a0c3-ea1dc4449104
21742913_398474310549713_538333983765388527_n
logo
ac2989e4-2a4a-4646-b359-36f246ef1e62
images
2c96748c-7aca-464f-a9f4-5edb11afe3da
Lene
logo-rota-da-moda2
b197ae5c-5cff-4c5f-a0c3-ea1dc4449104
21742913_398474310549713_538333983765388527_n
logo
ac2989e4-2a4a-4646-b359-36f246ef1e62
images
2c96748c-7aca-464f-a9f4-5edb11afe3da
Lene
logo-rota-da-moda2

Enquete


    • Sorry, there are no polls available at the moment.

  • O Povo Fala