Publicado por Osvaldo Cruz em 19/04/2017 às 12:27 am Nenhum Comentário

Vereador Ronny "Não tenho medo de secretários, diretores e nem de prefeito"

Vereador Ronny

Após um período de silêncio, o presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, vereador Reinaldo Miranda-Ronny (PHS), apresentou duras criticas a secretários e diretores municipais. Ronny subiu a tribuna da Casa, nesta manhã de terça-feira (18), e declarou a independência do legislativo feirense.

O presidente do Poder Legislativo, Ronny, criticou o tratamento que alguns secretários municipais e diretores estão dando aos edis e alertou que conversas com políticos que não são da base não significa mudança de “lado”.

“Assim como eu estive em conversa com o governador Rui Costa também o prefeito José Ronaldo teve, mas isso não significa que vamos mudar de base, apesar de que mudanças políticas são naturais. Sinto-me bem onde estou, apesar de não estar feliz com o tratamento que alguns secretários e diretores estão dando a nós vereadores”, desabafou Ronny.

Ronny critica duramente o comportamento daqueles que estão à frente das pastas municipais, bem como seus diretores e chefes de departamentos. “Aqui nesta Casa eles são bem tratados, bem recebidos. Sem contar que não aceitam sentar nas galerias nas sessões especiais e solenes, apenas aqui no Plenário. Porém, quando vamos às secretarias não é esse o tratamento que recebemos. Muitos não nos recebem”, relatou.

O presidente ressaltou que os vereadores devem ser tratados como autoridades que são, visto que foram constituídos para representar o povo. “Fomos eleitos para um mandato de quatro anos e não nomeados pelo prefeito. Somos autoridades da cidade e não corremos o risco de dormirmos secretários e acordarmos sem o emprego. Tenho consciência de que não sou vereador, estou vereador, mas enquanto detentor de mandato exijo respeito, não só a mim, mas a todos os meus colegas que por hora procuramos os secretários municipais e somos maltratados”, pontuou.

 

Ronny nominou alguns secretários e diretores. “Não tenho medo e não posso aceitar o tratamento que os secretários Borges Junior, Jaiana Ribeiro; uma pessoa dessa não pode ter competência para ser secretária, já há sete meses após as eleições e não conhece um vereador? Mauricio Carvalho, este nem telefone atende, Sérgio Carneiro é outro que não atende ninguém, não tenho medo de secretário, de chefe de gabinete, de diretor e não tenho medo de prefeito”, disse.

O discurso forte do presidente que soou como uma independência foi apoiado por boa parte dos edis na Casa, inclusive os governistas Marcos Lima, Isaias de Diogo, João Bililiu e Tom.

 

Contém informações da Ascom

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



Anuncio!
Edvaldo
Fabiano
Sueder
Lene
16998243_743738035784161_511361367268910124_n
logo-rota-da-moda2
12592491_798862370240947_2578759563094791953_n
Edvaldo
Fabiano
Sueder
Lene
16998243_743738035784161_511361367268910124_n
logo-rota-da-moda2
12592491_798862370240947_2578759563094791953_n

Enquete


    • Sorry, there are no polls available at the moment.

  • O Povo Fala